Filtros de Água HTZ » Blog » Quais são as principais fontes de água para o nosso corpo
Quais são as principais fontes de água para o nosso corpo
Fonte fundamental da vida, a água tem como principais fontes para o corpo humano:
  • Os líquidos que são ingeridos
  • A água contida nos alimentos
  • Água decorrente da oxidação metabólica.

Quantidade de água nos alimentos

O conteúdo hídrico dos alimentos é variável. A carne contém de 50 a 75% de água e os vegetais verdes podem chegar a 95% de água. Uma dieta comum, variada, fornece por volta de 1000 ml (1 litro) de água por dia.

O que é a oxidação metabólica

Com o processo da oxidação, os alimentos são capazes de fornecer ainda um volume adicional aproximado de 300 ml de água (1g de proteína = 0,41 ml; 1g de gordura = 1,07 ml e 1 g de carboidrato = 0,55 ml de água com a oxidação).

Qual a importância da ingestão de líquidos para o ser humano

Para alcançar a quantidade de água que deve ser ingerida ao dia (para ao menos repor o que é perdido), deve-se lançar mão da ingestão de líquidos, principalmente água.

Quanto devemos ingerir de líquidos?

Quanto maior a atividade física realizada, e maior a temperatura do ambiente  maior será a necessidade de água a ser ingerida. Uma recomendação diária adequada para adultos, na maioria dos casos, é de 2,5 litros (35ml/kg peso), para crianças, de 50 a 60 ml/kg e para bebês 150ml/kg de peso corpóreo.

Recomendação (condições normais de ambiente e atividade física):

  • Adulto: 2,5 l/dia ou 35 ml/kg de peso/dia.
  • Crianças: 55 ml/kg de peso /dia
  • Bebês: 150 ml/kg de peso/ dia

A importância da ingestão de líquidos por crianças e bebês

Crianças, idosos e obesos são particularmente vulneráveis às perdas de água.
As crianças possuem uma maior porcentagem de água corpórea e uma maior superfície corporal por unidade de peso do que os adultos.

A importância da ingestão de líquidos por obesos.

A participação da água como fração do peso corpóreo no obeso é muito menor do que nos magros (apenas 25 a 30% do peso corpóreo) , já que o tecido adiposo contém pequena quantidade de água, por isso o balanço hídrico é menos estável nos obesos. quando se comparam perdas de líquidos. Os obesos têm menor quantidade de água disponível para suprir eventuais necessidades geradas por perdas. Importante: Isso mostra o risco de promover o emagrecimento de obesos usando diuréticos.

A importância da ingestão de líquidos por idosos

Os idosos, além de serem considerados desidratados crônicos, apresentam uma capacidade diminuída dos mecanismos que regulam a homeostase do organismo (mecanismos renais, glandulares, etc.) e também do mecanismo de regulação e percepção da sede. Por isso pequenas perdas podem representar um grande risco.


Deixe seu comentário

Nome
(* obrigatório)
Email
( * obrigatório - não será publicado)
Web Site
Comentário
(* obrigatório)